Avaliação da Prevalência de Distúrbios de Olfato em Profissionais de Saúde Atuantes no Atendimento de Pacientes de COVID-19

Prezado(a) Profissional da área de saúde, a sua participação neste estudo ajudará a estabelecer uma associação entre a infecção pelo Coronavírus (Sars-Cov-2) e a perda do olfato. A literatura carece de estudos com metodologia científica para avaliar se a anosmia (perda de olfato) é um sintoma e possível sequela da COVID-19. Em caráter emergencial, iniciamos um estudo que foi aprovado pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP) para verificar essa associação. Se você é um profissional da área de saúde, por favor nos ajude a entender melhor essa doença. Esse questionário leva cerca de 5 minutos para ser preenchido. Os dados são protegidos e sigilosos. Sua participação será de extrema importância para agirmos de maneira mais adequada. Este questionário foi elaborado por Médicos da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e por Pesquisadores da Universidade de São Paulo e Universidade Federal de São Paulo.

Muito Obrigado!

 

Qualquer questionamento relacionado à pesquisa ou ao Termo de Consentimento pode ser feito aos pesquisadores através do telefone (11) 96574-3362 (inclusive para mensagens por Whatsapp) ou email:
anosmiacovid19@gmail.com.

Question Title

* 1. TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO ____________________________________________________________________________

DADOS DA PESQUISA

Título da pesquisa – Distúrbios de Olfato em Profissionais de Saúde Infectados pelo SARS—CoV-2 (coronavírus)

Pesquisador principal –  Dr. Fabio de Rezende Pinna

Departamento/Instituto – Oftalmologia e Otorrinolaringologia, Disciplina de Otorrinolaringologia da FMUSP

Você está convidado para participar do estudo acima, que apresenta os seguintes objetivos e esclarecimentos.

O objetivo deste projeto é avaliar a prevalência de distúrbios de olfato e paladar em Profissionais da área de saúde atuantes no atendimento de pacientes internados com suspeita ou confirmação de COVID-19. Consideramos que estes profissionais formam um grupo que apresenta maior risco de ser infectado pelo no coronavírus e desenvolver a COVID-19, e poderão contribuir para o entendimento da relação desta doença com sintomas de distúrbios olfatórios.

Você será solicitado a responder um questionário de rápida duração, cerca de 5 minutos no total, sobre suas condições gerais de saúde e percepção do olfato. Não será feita qualquer pergunta sobre sua intimidade e você poderá negar-se a responder a qualquer momento alguma questão que não se sinta à vontade para responder, bem como interromper o questionário.

Não ocorrerá qualquer exposição, qualquer risco biológico, ou diferenças de tratamento, visto que a sua participação será apenas respondendo os questionários. Caso determinadas perguntas causem desconforto por razões pessoais, você pode escolher não responder quaisquer perguntas que o façam sentir-se incomodado.

Não há benefício direto para o participante. Entretanto, ao participar dessa pesquisa, você estará contribuindo para a avalição de possíveis fatores de risco, ou prognóstico associados a uma parcela de indivíduos durante a pandemia de COVID-19. Você também contribuirá para que possamos compreender melhor as alterações que a infecção pelo novo coronavírus humano pode causar na percepção de olfato e paladar.

É garantida a liberdade da retirada de consentimento a qualquer momento e deixar de participar do estudo, sem qualquer prejuízo à continuidade de seu tratamento na Instituição, bem como será resguardado o seu sigilo e privacidade ao longo de todo o estudo.

A avaliação será feita através de questionário online, sem necessidade de consultas ou comparecimento presencial. Em qualquer etapa do estudo, você terá acesso aos profissionais responsáveis pela pesquisa para esclarecimento de dúvidas através do telefone (11) 96574-3362 (inclusive para mensagens por Whatsapp) ou email anosmiacovid19@gmail.com.  O principal investigador é o Dr Fabio de Rezende Pinna que pode ser encontrado no endereço Av. Dr. Eneas Carvalho de Aguiar, 155 6º andar bloco 6 (ambulatório de Otorrinolaringologia do HCFMUSP -  Telefones (11) 96574.3362, e-mail: anosmiacovid19@gmail.com. Se você tiver alguma consideração ou dúvida sobre a ética da pesquisa, entre em contato com o Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) – Rua Ovídio Pires de Campos, 225 – 5º andar – tel: (11) 2661-7585, (11) 2661-1548, (11) 2661-1549, das 7 às 16h de segunda a sexta feira ou por e-mail: cappesq.adm@hc.fm.usp.br 

Fui suficientemente informado a respeito do estudo “Distúrbios de Olfato em Profissionais de Saúde Infectados pelo SARS—CoV-2 (coronavírus)”. Ficaram claros para mim os objetivos, os procedimentos, os potenciais desconfortos e riscos e as garantias. Concordo voluntariamente em participar deste estudo, assino este termo de consentimento.

* Após leitura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido

T