Fazer loginInscrever-se
Resultados do blog
Mostrando 0 de 0 resultados
Mantenha a curiosidade! Você vai encontrar algo.
Ciência dos questionários

De quantas respostas eu preciso para que a pesquisa seja estatisticamente válida? Descubra o tamanho da sua amostra

De quantas respostas eu preciso para que a pesquisa seja estatisticamente válida? Descubra o tamanho da sua amostra

Ao decidir realizar um projeto de pesquisa, inevitavelmente, você precisará determinar um tamanho de amostra de respondentes estatisticamente relevante.

Não se preocupe! Temos um método simples para definir o tamanho adequado.

Como calcular facilmente o tamanho da amostra da sua pesquisa

Em termos técnicos, a pergunta do número de respostas necessárias para que a pesquisa seja válida está diretamente relacionada ao conceito de tamanho da amostra da pesquisa (acesse o link para saber mais). Por ora, basta saber que há um número específico de respondentes necessários para garantir que a pesquisa seja grande o suficiente para ser confiável ou “estatisticamente relevante”.

Para descobrir esse número, use nossa calculadora de tamanho de amostra ou use a tabela abaixo, que ajudará você a entender a matemática por trás do conceito.

Uma pesquisa de mercado que você pode realizar hoje mesmo
Quer uma solução de pesquisa de mercado rápida e simples? Conheça nosso painel global de consumidores, o SurveyMonkey Audience.
CONFIRA

As primeiras etapas para determinar o tamanho da amostra dependem destes fatores:

1. Quantas pessoas há na sua população?

Isso é simples. Sua população é o público-alvo total ou o mercado que interessa a você. Ela pode ser, por exemplo, a população adulta total do Brasil, executivas de 25 a 35 anos com diplomas de graduação ou proprietários de casa própria na região metropolitana de São Paulo.

2. Qual é o nível de representatividade necessário da sua pesquisa?

Isso é um pouco mais complicado. A forma mais simples de considerar esse aspecto é: quanto maior for o grau de semelhança da sua amostra com a população total, maior será a probabilidade de representatividade dos resultados. Se você aplicou a pesquisa a todos os proprietários de casa própria de São Paulo, pode acreditar que os resultados representem a opinião de toda a população proprietária de casa própria, certo? No entanto, como é praticamente impossível aplicar uma pesquisa a 100% da população, uma pesquisa bem-elaborada com um nível aceitável de tolerância de imprecisão já ajuda.

Vamos analisar a tabela para entender esse último ponto. Veja que, se permitir uma imprecisão ou margem de erro maior, o tamanho recomendado da amostra será menor. Se você puder ter uma margem de erro de 10%, precisará que apenas 80 das 500 pessoas respondam à pesquisa, em vez de 220 para uma margem de 5% ou 354 para uma margem de 3%.

Respondentes necessários para uma margem de erro de ±3%, ±5% e ±10%
População±3%±5%±10%
50034522080
1.00052528590
3.000810350100
5.000910370100
10.0001.000385100
100.0001.100400100
1.000.0001.100400100
10.000.0001.100400100

O nível de tolerância de imprecisão depende da sua confiança na tomada de decisões com base nos dados obtidos e, é claro, na importância das decisões tomadas. Você está realizando a pesquisa com seus alunos universitários sobre onde realizar a confraternização deste ano? Talvez você possa ter uma margem de erro maior. Por outro lado, se você for responsável pela divisão do orçamento anual de marketing da sua empresa, é melhor manter a margem de erro relativamente baixa, para que tenha confiança de estar tomando as melhores decisões para sua equipe.

Vamos ver um exemplo de tamanho de amostra

Vamos supor que você queira descobrir quantas pessoas na sua região de 10.000 habitantes são a favor de crianças passarem mais tempo na escola. Vamos também pressupor que você se predisponha a aceitar um erro de mais ou menos 10%.

Você usa um tamanho de amostra de 100 pessoas conforme recomendado pela tabela e descobre que 70% dos respondentes são a favor de dias escolares mais longos. Considerando a taxa de erro aceitável de 10%, você pode pressupor que, se tivesse aplicado a pesquisa a todos os habitantes da região, a proporção real a favor de dias escolares mais longos variaria de 60% a 80%.

Mas e se essa variação for muito grande? E se for necessária uma maior precisão? Nesse caso, aplique a pesquisa a mais pessoas. Por exemplo, pressupondo uma população de 10.000 pessoas, você precisaria de 385 respondentes para uma margem de erro de 5%.

Quantas pessoas você deve convidar para responder à pesquisa?

A tabela recomenda o tamanho necessário da amostra. No entanto, ela se refere aos questionários concluídos. Você precisa obter esse número de respondentes, não apenas pessoas convidadas para responder à pesquisa.

Por exemplo, vamos pressupor que você precise de 100 respondentes e espera que 20% das pessoas convidadas responderão à pesquisa. Você precisará convidar 500 pessoas (100 respondentes ÷ taxa de resposta de 0,2 = 500 convites).

Mesmo que você não se sinta confortável em estimar a taxa de resposta, recomendamos começar com um número relativamente alto. Afinal de contas, é possível enviar a pesquisa para mais respondentes posteriormente, se necessário.

Mais recursos para descobrir o tamanho da sua amostra

Mesmo que você não seja PhD em estatística, agora tem uma ferramenta útil para estimar o número de pessoas necessárias para responder ao seu questionário e obter um conjunto de dados estatisticamente relevante.

Temos muito mais informações úteis para você. Leia nossas páginas para saber mais sobre: tamanho da amostra, nossa calculadora de tamanho de amostra e nossa calculadora de margem de erro.

Dessa forma, você sempre saberá de quantos respondentes precisa para tomar decisões com confiança, seja para seu orçamento de marketing ou, mais importante, o bar certo para a confraternização.